terça-feira, 9 de abril de 2013

Fátima Santos editou novo livro de poesia: "O silêncio que nunca se calou"

Sob a chancela das "Edições 100 título" a Maria Fátima Santos editou o seu segundo livro de poesia sob o título "O silêncio nunca se calou", sendo que o seu anterior livro "No mais íntimo do nosso ser" foi editado em 2010.
A apresentação pública desta obra foi efetuada no dia 7 de abril, em Moimenta da Beira, onde a autora reside, contando para o efeito com a cedência do auditório da biblioteca municipal Aquilino Ribeiro e com o apoio da câmara municipal, que se revelou escasso para tantos familiares, amigos e amantes da poesia.
A apresentação desta obra esteve a cargo do Miguel Amori, que prefaciou o livro, ele também escritor, de Sernancelhe. Na sua intervenção deixou a sua leitura da obra, enquadrou-a no tempo, no espaço, na memória e nos afetos da autora, que nasceu em Moçambique em 1968 e donde veio aos seis anos de idade. Intervieram também nesta apresentação a Teresa Adão, da editora, o José Eduardo Ferreira, presidente da câmara municipal e no final a autora, Maria Fátima Santos, que deixou, num texto cheio de memórias e de revisitações, uma grande densidade de emoções, sobretudo para com seus pais, Dolores e Manuel e para com essa sua África amada.
Pela sala passaram ainda declamações de poemas acompanhados por acordes de duas guitarras clássicas.
Lá estive a convite da autora, da editora e da câmara municipal.
Parabéns.

Sem comentários:

Enviar um comentário