quarta-feira, 5 de junho de 2013

Centro cívico e cultural de Viseu evocou o cinquentenário da morte de Aquilino Ribeiro

Os deputados do PS, José Junqueiro e Acácio Pinto, estiveram presentes na iniciativa que decorreu no salão nobre da associação comercial de Viseu, promovida pelo centro cívico e cultural de Viseu, para evocar o cinquentenário da morte de Aquilino Ribeiro que, como se sabe, ocorreu no dia 27 de maio.
Intervieram nesta cerimónia evocativa Alípio de Melo, que falou sobre o homem, o escritor e a sua obra, e António Ribeiro de Carvalho que detalhou o inventário judicial atribulado de Aquilino Ribeiro, no tribunal de Moimenta da Beira, que envolveu os dois filhos do escritor e também com Paulo Neto em papel de destaque.
Simultaneamente foi apresentado o livro Memorial republicano de Amadeu Carvalho Homem e Alexandre Ramires.
Na mesa destaco ainda a presença de Rui Santos, do Centro Cívico, e de Manuel da Costa, da editorial Moura Pinto.
Ainda há em Viseu e na região muita gente que não esquece um autor português de referência do século XX e que tão atual está nos nossos dias.

Sem comentários:

Enviar um comentário