segunda-feira, 23 de maio de 2016

Distrito de Viseu com menos turmas a concurso para os colégios, no próximo ano letivo

Notícia DÃO E DEMO
O distrito de Viseu vai ter menos turmas contratualizadas no próximo ano letivo, 2016-2017, segundo os dados publicados pelo governo no despacho de abertura de candidaturas, que decorrerão entre 30 de maio e 15 de junho de 2016.
No distrito temos, neste momento, colégios com contratos de associação nos concelhos de Viseu e de Resende e a previsão de abertura para o próximo ano deixa de fora o Externato dom Afonso Henriques, de Resende, onde não abrirá qualquer turma de início de ciclo. Já no concelho de Viseu estão previstas 6 turmas para abrir em início de ciclo (3 para o 5º ano e 3 para o 7º ano), sendo 2 para a área da Escola Jean Piaget e quatro para a área dos colégios Via Sacra e Imaculada Conceição que as disputarão através do procedimento agora aberto. Recorde-se que estes dois colégios já no ano anterior estiveram envolvidos numa disputa de turmas, que originou vários recursos sobre a decisão do Ministério da Educação.
Ora isto corresponde a uma redução efetiva de turmas que irão ser contratualizadas. Se no ano anterior estiveram em concurso no concelho de Viseu 14 turmas, este ano haverá menos 8 turmas a concurso para iniciar os respetivos ciclos (5º e 7º anos).
Sobre esta matéria pode ver os mapas que o Observador publicou onde estão detalhados, a nível nacional, os colégios que não irão receber qualquer turma em início de ciclo.
Mas esta questão, do ensino público e privado, em Viseu, não é nova, uma vez que as direções das escolas públicas do concelho e as estruturas sindicais vêm afirmando que as escolas públicas têm mais capacidade de oferta do que aquela que a rede escolar lhes tem atribuído. Numa das suas últimas edições o Jornal do Centro apresenta os números e as capacidades disponíveis em cada uma das escolas.

Sem comentários:

Enviar um comentário