domingo, 10 de janeiro de 2016

Segundo a Universidade de Aveiro, eucalipto de Contige, Sátão, é a maior árvore classificada de Portugal

Notícia DÃO E DEMO.
Quem o diz é a Universidade de Aveiro na sua página do facebook, com data de 4 de janeiro, o eucalipto (Eucaliptus globus Labill) de Contige, no concelho de Sátão, é, em Portugal, o “recordista com 11 m de perímetro à altura do peito”, considerando mesmo tratar-se da “maior árvore classificada de Portugal.”
Avança a Universidade na sua página que “é uma árvore imponente que não deixa indiferente quem entra na povoação. Plantado, provavelmente, em 1878, quando se abriu a Estrada das Donárias, é um dos maiores eucaliptos classificados até ao momento em Portugal. Localizado à beira da Estrada Nacional N.º 229, que liga Viseu a Satão.”
E diz ainda aquela instituição de ensino superior que o eucalipto “terá pertencido à família Soares de Contige, ou a duas famílias (Garcia de Mascarenhas e Xavier do Amaral Carvalho) que se uniram em casamento no século XIX” e que “aquando da construção da estrada, e da expropriação do terreno, a monumentalidade deste exemplar terá contribuído para a sua salvaguarda, não tendo por isso sido cortada”, tendo sido “a estrada desviada para coexistir com esta que é hoje considerada a maior árvore classificada de Portuga.”
Foto: Universidade de Aveiro

1 comentário:

  1. Boa tarde caro amigo!

    Classificada pode ser! conheço um castanheiro com mais de 15 metros em Antas de Penedono.
    É conhecido como "Castanheiro da Guerra!, vá lá saber-se porque razão.

    ResponderEliminar