sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Crítica de Cinema | O renascido (2015)

Ler em DÃO E DEMO

**

(Não vale a pena)
The Revenant (2015) | Leonardo DiCaprio, Tom Hardy, Domhnall Gleeson | Realizado por Alejandro G. Iñárritu | 156 min.
Por: José Pedro Pinto
Emmanuel Lubezki é brilhante. Não há outra maneira de colocar a questão: ele é simplesmente o mais importante diretor de fotografia vivo, e sem competição à vista. O que ele consegue aqui, novamente com Iñárritu, é um triunfo técnico tão impressionante como o do Birdman (2014), e muito mais agradável de se ver. De facto, o único triunfo técnico comparável na última década foi o do Gravidade (2013), de Alfonso Cuarón (outro realizador mexicano), também ele filmado por Lubezki. Três filmes a rebentar de ambição, inconcebivelmente difíceis de levar a cabo, os três demasiado experimentais para poderem alguma vez ser aceites pela máquina publicitária, não fosse o nome das suas estrelas e a força das suas imagens; produções entre as mais impressionantes da história do cinema, que merecem ser admiradas e estudadas durante décadas. É pena que, à exceção do Gravidade, sejam só isso: filmes para admirar, da mesma maneira que se admira um quadro hiperrealista ou uma pintura flamenca cheia de pormenores. Triunfos no que é menos importante...
Continuar a ler em DÃO E DEMO
(Foto: www.foxmovies.com)

Sem comentários:

Enviar um comentário