terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Deputados do PS reuniram na câmara de Nelas | Em causa, obras estruturantes para o concelho

No dia 27 de janeiro, os deputados José Junqueiro e Acácio Pinto, no âmbito das suas funções, realizaram uma reunião de trabalho com elementos do Executivo da câmara de Nelas, presidido por Borges da Silva. Estiveram também presentes Alexandre Borges, vice-presidente, e Sofia Relvas, vereadora.
Teve como finalidade discutir as acessibilidades, os investimentos na região, nomeadamente a barragem de Girabolhos, o indesejado encerramento de serviços e os constrangimentos financeiros da autarquia, matérias que vinham a  acompanhar, ainda antes de eleições, com o então e atual vereador Adelino Amaral.
Sobre o IC12 e IC37, corredores rodoviários estruturantes para o concelho e a região, (Viseu, Gouveia e Seia) os deputados voltarão a questionar o Governo, porque em resposta a idêntico procedimento, em 2013, ficaram com a promessa das obras serem avaliadas - e sobre elas assumidas decisões -  no "plano de proximidade" de 2014.
No que concerne aos serviços, os deputados vão dirigir uma segunda carta à Presidente da AR, Assunção Esteves, porque o Governo teima – à margem da lei - em não revelar os serviços que pretende encerrar e aonde.
Sobre a barragem de Girabolhos, incluída no Plano Nacional de Barragens, lançado pelo Governo anterior do PS, os deputados vão intervir, nos ternos institucionais, tal como já fizeram em 2013. O investimento será privado, superior a 400 milhões de euros, e vai proporcionar um espelho de água com várias dezenas de quilómetros. Será uma estrutura fundamental ao desenvolvimento da região, nomeadamente, Mangualde, Nelas, Seia e Gouveia, os concelhos mais diretamente envolvidos.
Finalmente, tomaram conhecimento de sérios constrangimentos financeiros, herdados, e das prioridades definidas em matéria ambiental, desenvolvimento industrial, entre outros.

Sem comentários:

Enviar um comentário