quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Presidente da câmara de Mangualde recebido pelo grupo parlamentar do PS na AR

O presidente da câmara municipal de Mangualde, João Azevedo, foi recebido, por sua solicitação, no dia 9 de janeiro na Assembleia da República pelo grupo parlamentar do PS para apresentar as suas preocupações relativamente à reestruturação do mapa judiciário que o governo tem em curso e que, na proposta que se conhece, retira competências e centralidade ao tribunal judicial de Mangualde.
O presidente de Mangualde foi inequívoco na sua oposição a esta reforma e deixou bem claro que ele está, assim, a traduzir o sentimento de todos os mangualdenses que se veem confrontados com mais uma medida que a concretizar-se desfere um rude golpe no concelho de Mangualde.
Do grupo parlamentar do PS estiveram presentes o coordenador do PS da 1ª comissão, de assuntos constitucionais, liberdades e garantias, deputado Pita Ameixa e ainda os deputados eleitos por Viseu, José Junqueiro, Elza Pais e Acácio Pinto que informaram o presidente que está, neste momento, na Assembleia da República, em debate a proposta de lei de organização do sistema judiciário que teve o voto favorável da maioria (PSD e CDS) e o voto contra de todos os demais partidos. Esta proposta que está agora em debate na especialidade, não apresenta a listagem dos tribunais a extinguir e remete para posterior regulamentação essa extinção.

Sem comentários:

Enviar um comentário