terça-feira, 18 de setembro de 2012

Conferência de imprensa dos deputados do PS eleitos por Viseu


TVI 24 - 17.09.2012: «Os deputados do PS por Viseu desafiaram esta segunda-feira os parlamentares do PSD e CDS eleitos também por este círculo a «manifestarem um sobressalto cívico» pela «tragédia que se está a abater» sobre o seu distrito, noticia a Lusa.
José Junqueiro, acompanhado de Elza Pais e Acácio Pinto, apontou o dedo aos eleitos dos «partidos da descoligação» lembrando as discussões que há um ano eram no sentido de acrescentar iniciativas e investimentos em Viseu e agora são de «claro desinvestimento».
«Há um ano discutia-se em Viseu a modernização de escolas, hoje o seu encerramento, há um ano discutia-se em Viseu a criação de Julgados de Paz, hoje o fecho de tribunais, há um ano o distrito ia ter novas valências no novo Hospital de Lamego e hoje a discussão é se vai haver hospital ?», sublinhou José Junqueiro.
Para além do desafio lançado aos deputados do PSD e do CDS, no rasto do «sobressalto cívico» corporizado pelas manifestações de sábado, que o PS de Viseu quer ver «assumido pelos deputados da descoligação» eleitos por Viseu, José Junqueiro apontou ainda baterias ao governo.
O deputado socialista recorreu à ironia para defender que o governo é «constituído por dois partidos que apenas procuram desafiar-se um ao outro para um duelo ao por do sol e em público».
Elza Pais, Acácio Pinto e José Junqueiro aproveitaram ainda esta conferência de imprensa, justificada com o arranque da sessão legislativa, para garantir que «há outro caminho alternativo à necessidade dos jovens emigrarem, ao crescimento do desemprego e ao desinvestimento».
«Porque o Governo que há um ano criou uma crise política e agora se afunda, não tem soluções para o país, a não ser aquelas que passam por arranjar lugares para uma casta de privilegiados», dando o exemplo da EDP e da Caixa Geral de Depósitos.
Questionado sobre o que gostaria de ouvir por parte do deputados eleitos por Viseu pelos partidos do Governo, os alvos principais desta conferência de imprensa, José Junqueiro detalhou: «Gostaria de ouvir da sua parte um pouco da reflexão que está a ser feita por Bagão Félix, Manuela Ferreira Leite, Alexandre Relvas ou José Manuel Rodrigues».
«E lembrar que se os deputados do PSD e CDS eleitos por Viseu votarem o próximo Orçamento Geral do Estado, vão estar a votar contra o seu distrito e a favor da tragédia que sobre este se está a abater», disse Junqueiro em tom de desafio.
Diário de Viseu - 18 setembro 2012

Sem comentários:

Enviar um comentário