quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Reunião com professores na Federação do PS de Aveiro

A convite do Pedro Nuno Santos, deputado e presidente da federação de Aveiro do PS, desloquei-me no dia 30 de julho à sede da Federação, em Aveiro, para uma reunião com professores socialistas do distrito.
Na mesa, comigo, o Manuel Alberto Pereira, do secretariado da federação que lançou o debate e o Pedro Nuno que o encerrou. 
Pelo meio fiz uma intervenção com o balanço, negativo, de um ano de Nuno Crato à frente dos destinos do Ministério da Edudação a que se seguiu um excelente e participado debate.
Estiveram no centro do debate as políticas e as opções de Crato para a educação: a reorganização da estrutura curricular, sem método; o aumento do número de alunos por turma; a "científica" minutização dos tempos letivos; a fórmula que dá mais créditos a quem menos precisa; os exames no 4º ano, inéditos na Europa; a "mercantilização" da avaliação de desempenho docente (100 Euros por avaliado) ou os novos "titulares"; a secundarização da educação física e do desporto escolar; a segregação dos alunos com necessidades educativas especiais; a distribuição de não se sabe bem o quê pelos docentes com horário zero; a mudança das regras de conclusão do recorrente a meio do ano letivo... enfim, um enorme rol de trapalhadas que não auguram, infelizmente, um normal início do próximo ano letivo.
Afinal este é o resultado das políticas de Crato para a educação e das suas fórmulas para as escolas. Deram escolas transformadas em tabelas de excel; escolas com práticas elitistas e segregadoras; centradas nos saberes estruturantes e sem olhar para o saber fazer por exemplo; uma escola pública desqualificada e um serviço público de educação mais pobre e estreito.
O PS está contra este rumo e está aberto para em articulação com os diversos agentes educacionais construir uma alternativa a este modelo que se está a revelar profundamente injusto para todos, principalmente para os alunos.
Um nota final para assinalar também a presença do deputado do PS eleito por Aveiro, Filipe Neto Brandão.

Sem comentários:

Enviar um comentário