domingo, 31 de julho de 2011

Astúrias: uma conquista, será sempre uma reconquista!

Parafrasearei Woody Allen, dizendo que se algum dia tivesse que escolher um outro lugar para viver... talvez me decidisse pelas Astúrias.
E isto, no meu caso, não quer referir mais do que a beleza que escorre dos montes; do que aquele cantábrico verde escrito a bold; do que a inexcedível limpeza e organizção urbana de Oviedo; do que os 'pelayados' e crentes combates nas encostas de covadonga; do que aquele cristalino líquido que brota do ventre das rochas; do que ponto de partida; do que reconquista...
Sim, uma conquista será sempre, também, uma reconquista!

Sem comentários:

Enviar um comentário