quinta-feira, 7 de abril de 2011

Interior do país “nunca esteve tão bem” como no actual Governo, diz José Junqueiro

LUSA - «O secretário de Estado da Administração Local, José Junqueiro, considerou hoje que o interior do país nunca teve tanta atenção como na governação do actual primeiro-ministro demissionário José Sócrates.
“O interior nunca esteve tão bem em termos de atenção e de investimentos concretos, como está agora”, declarou José Junqueiro à agência Lusa durante uma visita ao concelho do Sabugal.
Segundo o secretário de Estado da Administração Local, o mais significativo é que “os investimentos, os maiores, os mais qualificados, na educação, na segurança social, ou na saúde, são os maiores dos últimos 100 anos”.
“Não há memória em Portugal, não há comparação possível, quer em matéria dos investimentos, quer em matéria do conceito”, disse, garantindo que o actual Governo tem tido “uma grande atenção pelo interior” do país.
José Junqueiro, que falava num concelho do interior, situado junto da fronteira com Espanha, deu o exemplo dos apoios disponibilizados actualmente para as 27 instituições particulares de solidariedade social locais, que atingem os 4,4 milhões de euros anuais.
Na sua deslocação, o governante visitou as instalações da Câmara Municipal do Sabugal onde cumprimentou cinco jovens estagiários, ali colocados ao abrigo do programa de estágios de jovens licenciados na administração local.
José Junqueiro reconheceu que esta autarquia é “um exemplo a nível nacional” por aderir a este programa e apenas ter um jovem do concelho, sendo os restantes de Trancoso, Aveiro, Covilhã e São João da Madeira.
“É este o espírito do programa”, salientou, referindo que a intenção é justamente permitir que “todos os jovens de Portugal pudessem concorrer para todo o lado”, com a colaboração das autarquias locais.
Referiu que muitos jovens “já estão colocados mas encontramos algumas resistências em alguns Municípios, exactamente porque aqueles candidatos que foram seleccionados não pertenciam à área do Município”.
Adiantou que o Governo abriu duas mil vagas e já foram consolidadas 1.300, lembrando que, em anteriores programas, foram feitos “mais de 3.300 estágios” profissionais.
Na deslocação ao Sabugal, José Junqueiro também visitou o Balcão Único da Câmara Municipal e assistiu à apresentação de propostas de reestruturação de Serviços Municipais e de regeneração urbana.
Em relação ao Balcão Único, declarou à Lusa que “é um exemplo da modernização administrativa promovida pelo Governo em colaboração com as autarquias locais”.
Referiu que o serviço representa “uma oferta de simplificação” de serviços para o público, ao qual as Câmaras Municipais estão a aderir, como aconteceu em relação às Lojas do Cidadão.»

1 comentário: