sábado, 18 de dezembro de 2010

Jantar de Natal da Secção do PS de Mões (Castro Daire)

Decorreu no dia 11 de Dezembro, em Mões (Castro Daire), o tradicional Jantar de Natal, organizado pela Secção local do PS, que contou com uma forte participação de militantes e simpatizantes socialistas de Mões e das freguesias limítrofes.
O ambiente e o convívio foram excelentes e no final intervieram o Presidente da Secção de Mões e Presidente da Junta de Freguesia, Jorge Soares, o Presidente da Assembleia Municipal, Albino Ramos, o Presidente da Câmara e da Concelhia do PS, Fernando Carneiro, a representante do Secretariado do Departamento Federativo das Mulheres Socialistas de Viseu, Cristina Fonseca, o representante do Presidente da Federação e deputado do PS, Acácio Pinto e o Presidente da Mesa da Comissão Política Distrital do PS, José Junqueiro.
Jorge Soares, Albino Ramos e Fernando Carneiro centraram as suas intervenções na obra feita no último ano na freguesia e no concelho bem como apresentaram alguns projectos para o futuro, sem deixar de enfatizar a sua grande sensibilidades para as áreas sociais.
Já Cristina Fonseca, Acácio Pinto e José Junqueiro centraram as suas intervenções apelando para uma forte unidade em torno das causas por que o PS e o Governo se têm batido, mas também fizeram um apelo ao reforço e engrandecimento do PS em todas as estruturas. Entre outros temas, falaram da aposta nas questões da igualdade de género, nas medidas de inclusão, nas tecnologias de informação, na educação (resultados agora reconhecidos pela OCDE), nas energias renováveis, no sector da exportação, no combate ao deficit, na simplificação da vida dos cidadãos e no forte apoio social como marcas indeléveis da Governação do PS e de José Sócrates e que irão perdurar no tempo como importantes medidas, não para o PS, mas para Portugal e para os portugueses. Igualmente se fez referência à grande hipocrisia do PSD distrital no que concerne às questões do Ensino Superior para Viseu, que eles inviabilizaram em 2002, e às SCUTS que eles exigiram que fossem portajadas.
Foi ainda lembrada a memória do militante socialista nº 101, da Secção de Mões, Francisco Ricardo Fernandes, recentemente falecido, e que era um dos militantes mais antigos do Distrito de Viseu.