domingo, 27 de junho de 2010

Museu Rural e Espigueiros de Pendilhe (V.N.Paiva)

Visitei neste fim de semana, com o Presidente da Câmara de Vila Nova de Paiva, José Morgado, entre outros acompanhantes, o Museu Rural de Pendilhe e toda a sua envolvente, constituída por uma vasto número de espigueiros, recuperados, um forno comunitário e uma grande eira lajeada.
Como anfitrião tivemos o Presidente da Junta de Freguesia de Pendilhe, Orlando Canseiro, que com grande orgulho nos mostrou e falou deste projecto co-financiado pela União Europeia, no âmbito das políticas de Desenvolvimento Rural. Do seu recheio fazem parte peças de arte sacra, utensílios da vida agrícola, cerâmica, têxtil e ainda tem um espaço internet e uma mini-biblioteca com uma vista fabulosa para a Serra do Montemuro. Mas uma peça que, pessoalmente, achei muito invulgar foi a chaminé das quatro caras, em granito, saindo o fumo pelas quatro bocas.
Pendilhe situa-se entre Vila Nova de Paiva e Castro Daire, no coração das serras e das gentes imortalizadas por Aquilino Ribeiro. É uma aldeia com o seu núcleo mais antigo bem recuperado.
Um excelente local a visitar, bem como toda a sua envolvente, onde se situam as Serras do Montemuro, a Norte, e a da Nave, a Nascente.
Para mais informações e contactos http://www.cm-vnpaiva.pt/; museu.pendilhe@cm-vnpaiva.pt.

1 comentário:

  1. a terra mais bonita e calma de Portugal, que saudades que eu tenho daqueles tempos em que fazia-mos as caminhadas nocturnas ate á anta.

    Abraços a todos os Pendilhenses

    Sandro Rosa

    ResponderEliminar