quinta-feira, 22 de abril de 2010

O inquisidor

Na Comissão de Inquérito (CI) PT/TVI os partidos da oposição estão ávidos! Ávidos de prosseguir os ataques e de lançar as suspeições e as insinuações do costume. Nomeadamente, Pacheco Pereira é vê-lo naquele melhor estilo de inquisidor mor do reino, com resquícios e tiques marxistas, a lançar constantes opiniões e juízos de valor para cima da mesa tentando de todas as formas condicionar os depoimentos e fazer julgamentos populares.
Esquece-se, porém, com demasiada frequência, que uma CI questiona sobre factos e não pede opiniões. É que não é outra coisa, o objecto da CI cinge-se a duas coisas: se o Governo interveio na operação conducente à compra da TVI?; se José Sócrates disse a verdade ao Parlamento no dia 24 de Junho de 2009?
Mas Pacheco Pereira o que pretende é contaminar os depoimentos, criar cortinas de fumo e tentar fazer crer que as conclusões (tiradas por si previamente!) foram comprovadas com os tais “depoimentos” mesmo que só sejam meras opiniões.
Pensávamos que o PSD tinha entrado numa fase diferente, das políticas, das ideias e dos projectos. Nada disso. Enganámo-nos. Pacheco Pereira ali continua atrás dos moinhos de vento e dos seus fantasmas. Por muito que lhe custe terá que ser ele a abatê-los na sua cabeça. O PS não dará para esse peditório!

Sem comentários:

Enviar um comentário